Ataque aconteceu em um hospital nesta quarta-feira (1º), em Tulsa, Oklahoma.

Mais um tiroteio, que aconteceu nesta quarta-feira (01), assustou os americanos. Desta vez o ataque aconteceu em um hospital em Tulsa, Oklahoma.

As vítimas, identificadas na manhã de quinta-feira (02), são Preston Phillips, Stephanie J Husen, Amanda Green e William Love que perderam suas vidas quando um homem carregando um rifle e uma pistola entrou no prédio atirando.

Os ataques mais recentes em solo americano culminaram com o assassinato de 19 crianças e duas professoras em uma escola primária do Texas, e 10 vítimas um supermercado em Buffalo, Nova York.

Nos dois casos, os atiradores também morreram.

“Tiramos Deus das escolas e a maioria dos lares está deixando Deus fora da criação de seus filhos”, desabafou o pastor Franklin Graham no Twitter.

“Ele é a solução. Quanto mais viramos as costas para Deus e Sua Palavra, mais problemas temos como indivíduos e como nação”, declarou.

O filho de Billy Graham disse ainda que “somos uma nação viciada em violência — e eles chamam isso de entretenimento”.

Para ele, os problemas enquanto os americanos não conseguirem “lidar com esse problema, veremos mais e mais incidentes trágicos em nossa nação”.

Segundo o The Guardian, desde janeiro, houve 12 tiroteios em que quatro ou mais pessoas foram mortas. Os dados de assassinatos em massa são da Associated Press/USA Today/Northeastern University. Esses tiroteios deixaram 76 mortos, incluindo 31 adultos e crianças em Buffalo e no Texas. O número de mortos não inclui os suspeitos.

Fonte: Guiame

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.